toalhas 5

Lavanderia Especializada

Processo de desinfecção das de roupas de cama – Sistema de Máquinas de Barreira Sanitária conforme a ANVISA (RDC 06 30/01/2012) e um conjunto de tecnologias com alta eficiência na degradação de inúmeros compostos contaminantes orgânicos, gerando um processo de desinfecção avançado de esterilização à baixa temperatura, por ozônio (O3 ) e o peróxido de hidrogênio (H2 O2)

A área suja responderá pela entrada das peças a partir da triagem de modelos e sua classificação de sujidade. A área limpa, receberá as peças já processadas para centrifugação, secagem e embalagem.

O diferencial dessas máquinas é que cada uma possuí duas portas distintas: uma para a colocação da roupa suja e outra para retirada da roupa limpa, sendo separadas fisicamente, no decorrer do processamento de higienização da rouparia, não possibilitando sua contaminação cruzada, o que garante um resultado de excelência.

O Ozônio (O3) no processo de lavagem de roupas é um agente oxidante superior e esterilizante de desinfecção mais poderoso e rápido, atua basicamente na oxidação dos elementos que constituem as paredes celulares dos micro-organismos, ao penetrar no interior das células, age sobre certos componentes essenciais (enzimas, proteínas, DNA e RNA), fazendo a destruição das celulas quando parte de sua parede é rompida, ao longo de ciclos de lavagem ozonizada; Destrói as bactérias, inativa vírus, elimina odores com uma completa desinfecção dos tecidos, em fase aquosa se decompõe rapidamente a oxigênio.

A ação do Ozônio ocorre através da reação de oxidação das moléculas de sujidades presentes nas fibras, tornando-as cada vez menores e permitindo facilmente sua liberação no meio líquido, pela ação mecânica .
Também é utilizado como agente de branqueamento dos enxovais brancos ( lençóis, toalhas, etc), o produto final fica melhor com o ozônio, os tecidos saem mais macios e com cheiro fresco, devido à compatibilidade do ozônio com água fria, evitando o encolhimento dos tecidos, envelhecimento e deterioração precoce.

Peróxido de hidrogênio (H2 O2) no processo de lavagem de roupas – Na lavagem das roupas, sua aplicação é feita em associação ao Ozônio, gerando um poderoso oxidante de desinfecção radical hidroxil (OH) , o que ocasiona excelente sinergia no processo de lavagem. O H2O2 libera microbolhas de oxigênio quando misturado com água, estas microbolhas penetram na sujeira e ajudam a removê-la oferecendo algumas vantagens em relação ao cloro, possibilitando de ser usado em roupas coloridas, não danifica a fibra do tecido como o cloro ( hipoclorito de sódio), e tem um prazo de validade maior sendo um poderoso limpador de manchas de difícil remoção, tais como café, vinho tinto e resíduos de alimentos, sangue etc.

Ficou com duvida?

Fale com a nossa equipe agora mesmo! Teremos o prazer em lhe ajudar, Faremos o melhor procedimento para beneficiar a você e seus clientes !

Ficou interessado? Fale conosco agora mesmo!